MINAS GERAIS REGISTRA SETE MORTES POR CAUSA DAS CHUVAS

1
101

 

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Minas Gerais (Cedec-MG) confirmou mais duas mortes provocadas pelas chuvas no estado. Com isso, subiu para sete o número de óbitos durante o período chuvoso. De acordo com o boletim desta terça-feira (13), o estado tem 80 cidades em situação de emergência por conta das chuvas. Minas Gerais tem 1.101 pessoas desabrigadas e 4.308 desalojadas.

Um dos óbitos aconteceu no Povoado do Sítio, zona rural do município de Presidente Bernardes, na Zona da Mata, onde uma idosa de 66 anos morreu após ser levada pela correnteza da enxurrada até o córrego. A vítima voltava de uma novena com duas sobrinhas e, ao atravessar por um trecho alagado, se desequilibrou ao pisar em um buraco e caiu na água. O corpo foi encontrado pela Polícia Militar no leito do rio.

O outro óbito é de um homem de 25 anos, que foi atingido por uma descarga elétrica proveniente de um raio no município de Inhapim, no Vale do Rio Doce. A vítima estava acompanhada de outro homem, e ambos faziam a manutenção de uma torre de transmissão de internet quando começou a cair uma forte chuva seguida de raios. Eles desceram da torre e se abrigaram em um cômodo próximo ao local, onde acabaram atingidos pela descarga elétrica. A outra vítima foi socorrida com vida, levada para o Hospital São Sebastião de Inhapim e encaminhada para o hospital de Caratinga.

As outras mortes foram registradas nas cidades de Piraúba, Bom Jesus do Galho, Santa Luzia, Vespasiano e Bertópolis, sendo um óbito em cada município.

JORNAL GAZETA DE NOVA SERRANA, NOTÍCIA E INFORMAÇÃO EM 1° LUGAR! PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP: (37)99970-8780

1 COMMENT

  1. It’s appropriate time to make some plans for the future and it’s time to be happy.
    I’ve read this post and if I could I wish to suggest you some interesting things or tips.
    Perhaps you could write next articles referring to this article.
    I want to read even more things about it!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here